Saiba Mais > Como enxergamos

Como enxergamos



A visão é um dos mais importantes sentidos de que dispomos para interagir com o mundo à nossa volta.

O processo todo se inicia nos olhos, mas quem decodifica a imagem, ou seja, quem traduz os raios luminosos em informação visual, é o cérebro.

A estrutura de nossos olhos se assemelha a uma máquina fotográfica: os raios luminosos são captados e passam por um conjunto de lentes. A imagem é formada em seu interior, para, em seguida, ser transmitida ao cérebro.

As principais estruturas presentes em nossos olhos são: a córnea (uma membrana fina e transparente, semelhante a um vidro de relógio) que é ajustada à esclera (o branco do olho); a íris (a parte colorida do olho); a pupila (um pequeno orifício, por onde a luz penetra na estrutura interna do olho); o cristalino (uma lente natural, que junto com a córnea, é responsável pela refração dos raios luminosos); a retina (a camada interna do olho, constituída por receptores sensíveis à luz, que transformam os estímulos luminosos em estímulos nervosos) e o nervo óptico (que encaminha os estímulos nervosos ao cérebro).

Esquema comparativo entre o funcionamento do olho humano e da máquina fotográfica